Reportar erro
Notícias

Secretário da CBF critica imprensa e é respondido por jornalista da ESPN

paulocalcade.jpg
Paulo Calçade retrucou CBF e pediu a melhora do calendário brasileiro
Redação NT

Publicado em 08/05/2015 às 20:44:20

Nesta quinta (7), aconteceu uma audiência pública na Câmara dos Deputados para discutir novas leis fiscais para o futebol brasileiro, como o perdão das dívidas dos clubes, que pode ser aprovada e sancionada em breve.

Foram convidados jornalistas e membros da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Em dado momento, o secretário-geral da entidade, Walter Feldman, falou sobre as críticas que a instituição vem recebendo da imprensa.

"A gente só apanha. Em nenhum momento aqui faço crítica à liberdade de imprensa, mas a liberdade de imprensa não pode ser somente para destruir. Em qualquer governo, a oposição e os jornalistas esperam 100 dias para começar as críticas contumazes e ferozes, mas a imprensa, e principalmente o Juca Kfouri, não. A nós não foi permitido nenhum dia, nada", bradou.

Paulo Calçade, comentarista da ESPN, que foi um dos convidados, defendeu o colega e a imprensa. Ele pediu mais rigor das autoridades na cobrança de transparência dos gestores do futebol e mencionou o exemplo da Europa, onde são adotadas auditorias das contas das federações para a prevenção de irregularidades.

Além disso, Calçade falou do calendário brasileiro e comentou que, com o fim dos campeonatos estaduais, vários jogadores profissionais estão desempregados: "O ano já acabou para a maioria dos clubes. Neste momento, o Brasil poderia ter as melhores competições do mundo, e não ficar apenas contabilizando os jogadores brasileiros que estão nas finais da Liga dos Campeões da Europa. Isso é derrota para o Brasil".

TAGS: