Catador que encontrou pertences de Betty Lago recebe ajuda e deixa as ruas

Foto: Divulgação

Publicado em 11/11/2015 às 19:28:47

Por: Diego Falcão

Conforme noticiado pelo NaTelinha, objetos pessoais da atriz Betty Lago, morta no dia 13 de setembro deste ano, foram encontrados em uma lixeira no Leblon, Rio de Janeiro. 
 
O morador de rua Bruno Jesus Batista, de 36 anos, foi quem localizou os pertences. No último final de semana o rapaz entregou o acervo para Joyce Lago, irmã da atriz, que contava com cartões de crédito e postais, agendas telefônicas, cadernos de anotações e uma medalha de Nossa Senhora de Fátima, além de fotos e livros de poesias.
 
 
Depois de devolver os pertences à irmã e sobrinha da atriz, ele decidiu deixar de viver nas ruas, segundo informações do jornal Extra desta quarta-feira (11).
 
Bruno voltou para a casa da mãe, em Niterói, onde também moram seus três filhos. Com a ajuda financeira que recebeu, ele comprou produtos como barbeador, escovas de dentes e sabonete, e começou a revender o material em um posto de gasolina próximo à Central do Brasil.
 
"Decidi que não quero mais viver naquela vida de drogas, dormindo na rua e passando frio e fome. Voltei para casa e estou me entendendo com minha mãe. E também não quero mais sair de perto dos meus filhos. Tive que ter muita força de vontade para abandonar o vício, mas tenho certeza que ter achado os pertences da Betty foi um sinal para que eu tivesse uma nova chance na vida", disse ao jornal.
 


publicidade

TAGS:

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade