Reportar erro
Colunas

Nem esfriou: Mercado esportivo da TV por assinatura pega fogo novamente

Click TV

esporteinterativo-logo-horizontal.jpg
Divulgação
Redação NT

Publicado em 25/01/2015 às 11:22:32

Agora é pra valer: A Turner, programadora do grupo Warner, resolveu esquentar de vez a disputa entre os canais esportivos da TV paga brasileira.

Depois da entrada triunfal da Fox, através do Fox Sports, no mercado nacional, agora é a vez da Turner Sports (ainda que seja com o nome Esporte Interativo) adentrar o mercado de forma não menos ruidosa que a concorrente.

A Turner, de acordo com informações exclusivas do NaTelinha, acertou a compra da totalidade do canal Esporte Interativo, que possui transmissões em TV aberta e fechada no Brasil, mesmo que esteja fora das duas maiores operadoras de TV paga do país, Net e Sky.

É sempre importante ressaltar que a Turner já detinha uma parcela do canal brasileiro e, inclusive, há rumores de que o dinheiro investido para a compra dos direitos da Liga dos Campeões da Europa para TV fechada no país tenha vindo diretamente da programadora.

Dona de um vasto arsenal de canais, que englobam Space, Warner Channel, TBS, TNT, os infantis Cartoon Network, Boomerang e Tooncast e os canais internacionais da CNN, entre outros, a Turner deve fazer valer sua força enquanto programadora para oferecer ao card das principais operadoras do país.

Esse, talvez, o maior dos desafios da TV Esporte Interativo, uma emissora aberta que quer competir com as fechadas, uma vez que não possui concorrentes na TV aberta brasileira.

Outro grande desafio, embora menos complexo que o primeiro, é a disputa entre os canais esportivos. Nessa, a Turner já mostrou as garras com o principal torneio de futebol interclubes do mundo e deve dar mais mostras de força nos próximos leilões por direitos.

Quem levou mais um golpe com a vinda da Turner foi a ESPN, detentora dos direitos da Liga até o meio do ano. A emissora, que já havia perdido a exclusividade do Campeonato Francês para o Sportv, da Major League Baseball e o Campeonato Alemão para o Fox Sports, sofre mais uma baixa em seu bastante limitado card de atrações.

A saída de narradores e comentaristas da emissora dos “fãs do esporte” também demonstra que mudanças podem e deve surgir, até para se manter competitiva no novo mercado que se avizinha.

Dentro desse cenário, reina absoluto o Sportv, proprietário das principais competições esportivas nacionais e de algumas internacionais, que deve manter-se na liderança ainda por muito tempo.


Apaixonado por televisão, Helder Vendramini pesquisa e estuda esse meio há vários anos e está se formando no curso de Rádio e TV. Aqui no site, buscará fazer análise aprofundadas dos mais variados temas que envolvem a nossa telinha.

Mais Notícias