Reportar erro
Colunas

Enfoque NT: Datena não aguenta mais fazer o "Brasil Urgente"; até quando?

51753e3443f592716dde0ebf181abd34.jpg
Fotos: Divulgação
Thiago Forato

Publicado em 10/09/2013 às 16:40:07

José Luiz Datena apresenta o “Brasil Urgente” desde 2003, onde entrou no lugar de Roberto Cabrini e deixou o “Cidade Alerta” da Record. Em 2004, começou a dizer que não aguentava mais apresentar esse tipo de programa devido ao estresse emocional que passa em função das situações que exibe.

Há nove anos essa reclamação existe, mas Datena continuou no comando do programa. A Band, ao que parece, não faz muita questão que ele saia devido ao público fiel que conquistou ao longo dos anos, garantindo assim uma audiência bastante satisfatória para entregar em alta para o “Jornal da Band”.

Metralhadora giratória

Volta e meia o apresentador reclama dos números aferidos pelo Ibope e que a televisão e mercado usam como termômetro. Em julho do ano passado, por exemplo, Datena disparou que não gosta de ser roubado e ter aquilo apenas que lhe pertence, duvidando sobre a credibilidade do instituto. Já fez isso por várias vezes.

Mais recentemente, Datena disparou contra Carlos Augusto Montenegro, presidente do Ibope, chamando-o de vagabundo, sem-vergonha e safado devido a seus baixos índices.

Agora, quando a audiência está boa, ninguém reclama. Como já teve por muitas vezes. É perceptível a mudança no semblante de qualquer apresentador quando isso acontece.

Outros caminhos

Em 2008, depois de alguns anos reclamando que queria fazer algo diferente, ele conseguiu a atração “No Coração do Brasil”, onde mostrava lugares paradisíacos do nosso país, além de curiosidades e costumes dos mais diversos locais às sextas à noite. Não decolou. A audiência era baixa e em 2009 foi tirado do ar.

Quem Fica em Pé?

No ano passado, Datena ganhou a oportunidade de comandar um programa distribuído pela NBC Universal. O “Quem Fica em Pé?” é bastante parecido com o que Milton Neves fez na Record em 2002, com um programa chamado “Roleta Russa”.

Nesse game, Datena mostrou estar cada vez mais à vontade e vem evoluindo como animador. É inegável que sua imagem esteja atrelada ao “Brasil Urgente”, devido a tantos anos dedicados ao gênero.


Contatos do colunista: thiagoforato@natelinha.com.br - Twitter: @Forato_

Mais Notícias