Toma Lá Dá Cá: Nada original, mas muito bom

 Toma Lá Dá Cá: Nada original, mas muito bom

Redação NT

Publicado em 08/08/2007 às 23:24:48,

David Freitas
davidfreitasrj@uol.com.br

A estréia de Toma Lá Dá Cá, pela Globo, na última terça-feira, dia 07, não acrescentou nada de novo. O tipo de humor do programa pode ser visto em vários sitcoms da TV americana. Não é nada original, mas é um ótimo programa, e que não fará o público sentir saudades de A Diarista, pelo menos por enquanto.

Escrito por Miguel Falabella - que interpreta o Mário Jorge - e Maria Carmem Barbosa, o humorístico deveria sofrer algumas leves alterações, para deixar de ser um pouco americanizado. Muitos personagens ali estão caricatos, como a Copélia (Arlete Salles).

As risadas gravadas - outro artifício dos humorísticos americanos - deveriam ser retiradas. O melhor de tudo, sem dúvidas é Fernanda Souza, mais linda do que nunca, e muito segura em cena. Um dos pontos altos da atração.

Roberto Talma, o diretor, não quer comparações com o excelente Sai de Baixo, grande sucesso exibido nas noites de domingo dos anos 90. Só que o Falabella está muito marcado por Caco Antibes, e Marisa Orth, por Magda. Ambos acabaram ficando canastrões.

Considerando prós e contras, é uma boa opção para o horário e que deve ser um sucesso. As noites de terça-feira continuam recheadas de boas opções para o telespectador. Vale a pena conferir.


Corpos pintados no Viva a Noite

A audiência sob e o estilo de Roberto Manzoni, o Magrão, continua deixando a sua marca no Viva a Noite. No programa do próximo sábado, dia 11, um desfile de corpos pintados é uma das atrações, que contará com Sabrina Boing Boing e Lívia Andrade. O público masculino agradece.

Paraíso Tropical esquenta

Gilberto Braga é o melhor novelista da TV brasileira, sem dúvidas. Com artifícios mais que clichês, mas muito bem executados, ele e Ricardo Linhares fazem a novela das 21h ficar cada vez mais atraente. Ambos estão de parabéns. O flagra de Olavo (Wagner Moura) e Betina (Deborah Secco), Bebel (Camila Pitanga) voltando para as ruas e o incêndio na clínica psiquiatríca vão garantir altos índices de audiência.

Dança do Siri

Os globais estão se rendendo cada vez mais à nova mania nacional. No lado de fora do Museu Histórico Nacional, no Rio, onde ocorreu o 2º Prêmio Contigo do Cinema Brasileiro, Fernanda Lima e Alinne Moraes dançaram com Repórter Vesgo e Silvio Santos, do Pânico na TV. No ar no próximo domingo.

Quem diria...

Saiu na revista Conta Mais que Ticiane Pinheiro e Karina Bacchi, protagonistas do Simple Life, da Record, não falam mais a mesma língua. Quem diria hein...

Dito e feito

Logo depois do terrível acidente com o vôo 3054, em São Paulo, há pouco mais de um mês, disse que a culpa iria acabar recaindo sobre o piloto. Dito e feito. O pior de tudo é que eles não podem se defender. Enquanto isso, em Brasília...