Reportar erro
Polêmica

A Fazenda 2020: JP Gadelha cita preconceito por ser branco: "Julgam demais"

Perfil do bombeiro no Twitter nega declaração nesse sentido

JP Gadelha aparece na sala de A Fazenda 2020
JP Gadelha afirmou ser vítima de preconceito
Redação NT

Publicado em 09/09/2020 às 18:15:01

Em A Fazenda 2020, logo após o almoço dos peões na tarde desta quarta-feira (9), JP Gadelha levantou polêmica. O bombeiro militar e Luiza Ambiel tiveram uma conversa franca sobre relações humanas.

No bate-papo, o rapaz chegou a revelar ser vítima de preconceito por ser branco. O digital influencer disse que sente-se incomodado quando pessoas o julgam, dizendo de que ele não pode expressar sua opinião e levantar bandeiras sociais.

"As pessoas têm uma tendência a dizer se você é um cara branco, você não pode falar sobre temas sociais, não pode expressar suas opiniões. Mas é claro que eu posso. As pessoas julgam demais, tenho que me posicionar", afirmou Gadelha, que disse que tem papel, como famoso digital, de ser crítico e influenciar pessoas politicamente. Luiza Ambiel ouviu com atenção e encorajou o rapaz, dizendo que ele pode se expressar da maneira que quiser.

No Twitter, o perfil de JP Gadelha rebateu a informação, publicando parte do vídeo sem o trecho exato da fala aqui transcrita. Seguidores também defenderam o peão. "Estereotipar, no contexto da fala, nao é 'preconceito por ser branco'. Nesse caso, ele quis dizer que as pessoas acham que apenas por ele ocupar um lugar de privilégio ele não poderia se posicionar acerca de temas sociais", disse um. "Ele está falando sobre as pessoas limitarem o tal local de fala de outras por 'n' motivos", apontou outro.

Confira o momento exato da conversa com Luiza Ambiel:

A ex-banheira do Gugu, por sinal, tem se envolvido em todos os assuntos da casa e se dado bem com os colegas de confinamento.

Mais cedo, durante uma conversa com Lucas Cartolouco, Lucas Maciel e Fernando Beatbox na casa da árvore, Luiza falou sobre feminismo e disse que mulheres não querem ser maiores que os homens, e sim terem os mesmos direitos que o sexo masculino.

Ela também defendeu que mulher não é sexo frágil e que na fazenda, durante o jogo, todos têm a mesma força. Cartolouco concordou com Luiza e afirmou não aprovar a ideia de Mateus não votar nas meninas da casa e, ainda, afirmou que o ato desfavorece o feminismo. Mais tarde, Luiza também assumiu o fogão da sede e ajudou a preparar o almoço.  

Também na casa da árvore, Biel cumprimentou JP Gadelha passando a mão em sua partes íntimas. O cantor estava na casa da árvore conversando com Raissa Barbosa, Fernando Beatbox e Lucas Cartolouco quando o bombeiro militar entrou no local. JP levou um susto mas levou na brincadeira. 


Mais Notícias