Repórter do Fox Sports em São Paulo quase foi para Medellín em voo da Chape

Canal perdeu seis profissionais falecidos na tragédia

Reprodução

Publicado em 05/12/2016 às 17:09:22

Por: Sem autor

Repórter com passagens pela Globo e Record, sendo contratado do Fox Sports desde março de 2014, o jornalista Gudryan Neufert quase foi uma das vítimas da tragédia envolvendo a Chapecoense em Medellín, que vitimou seis profissionais do canal.

Segundo informações obtidas em primeira-mão pelo NaTelinha, o repórter estava escalado para cobrir a final entre Atlético Nacional e Chapecoense juntamente com Victorino Chermont, que tinha base no Rio.

A ideia da Fox era ter dois repórteres ao vivo, para cada um cobrir um time. No entanto, na última hora, a emissora do grupo midiático de Rupert Murdoch cancelou a viagem e ele acabou ficando em São Paulo, onde cobre clubes paulistas - esta semana, por exemplo, ele cobriu o São Paulo.

Gudryan iria para o jogo também porque é de Santa Catarina. Ele é natural de Blumenau, interior do estado, bem como Chapecó é, no caso, e conhece a história de ascensão da Chapecoense.

Nos últimos dias, vários colegas lhe mandaram mensagens ao saber do caso. O repórter Fernando Fernandes, da Band, inclusive, mencionou a história no "Terceiro Tempo" deste domingo (4), mandando saudações ao colega.

O voo que levava a delegação da equipe da Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana sofreu um acidente em Cerro Gordo na madrugada da última terça (29), entre as cidades de La Unión e La Ceja Del Tambo, na Colômbia. A bordo estavam 21 jornalistas brasileiros que fariam a cobertura da partida.
 
A aeronave contava com 77 passageiros, entre comissão técnica e diretoria do time de Chapecó, comissários, convidados e imprensa.

Dentre os jornalistas mais conhecidos do público, estavam os repórteres Victorino Chermont, Paulo Júlio Clement, Lilacio Júnior, Devair Paschoalon e Mário Sérgio Paiva, todos do Fox Sports, além de Guilherme Marques, repórter de 28 anos da Globo Rio. No total, foram 71 vítimas fatais.



COMENTÁRIOS