Ticiana Villas Boas fala sobre nova temporada do Bake Off Brasil: "realizada"

SBT promoveu coletiva de imprensa nesta terça-feira (10) com evento em Atibaia (SP)

Fotos: Gabriel Gabe/SBT

Publicado em 10/05/2016 às 19:56:28

Por: Michele Marreira

Você já deve ter percebido que nos últimos tempos nunca se viu e ouviu falar tanto em reality show, especialmente àqueles ligados à gastronomia, quanto agora. São diversos deles em TV aberta ou canal por assinatura. Não importa se os participantes são profissionais ou amadores no ramo. O que vale mesmo é talento, amor, certa criatividade e agilidade como principais ingredientes na hora de preparar suas receitas nesses famosos programas de gastronomia. 
 
Nesta terça-feira (10), à convite do SBT, o NaTelinha viajou até Atibaia (SP) para o evento de lançamento da segunda temporada do reality “Bake Off Brasil - Mão na Massa”, que estreia no dia 21 de maio, às 21h30, com apresentação de Ticiana Villas Boas.
 
Logo ao chegarmos à tenda armada onde são realizadas as gravações, os convidados tiveram a oportunidade de degustar diferentes e irresistíveis bolos feitos na hora. Depois, todos tambem almoçaram uma deliciosa feijoada.
 
Em “Bake Off Brasil - Mão na Massa” o público terá a oportunidade de se deliciar com pratos doces e alguns salgados, através da telinha, ao longo de 15 episódios. Os 14 integrantes já podem festejar o fato de terem sido selecionados dentre 10 mil inscritos. Em seu terceiro programa no segmento culinário, será que a apresentadora Ticiana Villas Boas manda bem quando o assunto é cozinha? “Antes da primeira temporada eu não tinha muita afinidade com cozinha, não. Eu me preparei, fiz até um curso de confeitaria, estou fera, daqui a pouco viro uma Chef (risos)”.
 
 
Os jurados da atração retornaram bem mais exigentes em suas avaliações e comentários, mas ambos reconhecem o esforço de cada um deles. “O desastre faz parte da competição”, comenta Carol Fiorentino. Já o empresário Fabrizio Fasano Jr. fala o que mudou em sua vida após ganhar notoriedade na TV: “A gente entra em milhões de lares fazendo parte de suas famílias. Alguns me amam, outros me odeiam. Aprendemos a ficar mais na defensiva principalmente nas mídias sociais”. 
 
Uma das novidades é o diretor Lucas Gentil, que estará à frente da atração que já promete esquentar o clima dos episódios com intrigas e ciúmes entre os próprios confeiteiros. Como bom reality que se preze não faltará discussões acaloradas. “É um grupo que diverge em idade, classe social e profissões. Mas tem sido um confeito trabalhar nessa casinha de boneca”, brinca. 
 
Aquele que conquistar a vitória será premiado com a publicação de um livro com suas receitas pela Editora On Line. 
 
[galeria]
A competição conta ainda com a produção da Cygnus Media e coprodução da Discovery Home & Health. Monica Pimentel, ex-RedeTV” e atual vice-presidente de conteúdo do canal menciona qual a óptica do telespectador atual – seja TV aberta ou fechada. “Cada canal tem o seu público são diferentes. A classe C teve mais contato com essa diversidade que a TV a cabo proporciona e ficou mais exigente”, explica. 
 
A sorridente anfitriã Ticiana Villas Boas conversou com nossa reportagem após a coletiva. Confira:
 
NaTelinha - Você se mostra apaixonada pelo caminho do entretenimento. No futuro não pensa em realizar algum projeto no jornalismo convencional?
 
Ticiana - Estou bem realizada no momento, sem nenhuma vontade de voltar ao jornalismo. Foi uma etapa deliciosa, 13 anos tendo a oportunidade de realizar meu sonho de adolescente em mudar o mundo, ser correspondente, viajar realizando reportagens, ficar na bancada... Foi a melhor coisa na minha vida profissional que me proporcionou estar aqui do outro lado inclusive. Sou muito agradecida a essa fase da minha vida. 
 
NaTelinha - Você está em seu terceiro programa no SBT. A longo prazo você se vê fazendo outro estilo que não seja gastronomia?
 
Ticiana - Sim. Não sei até quando a moda de reality vai durar entre o público de gastronomia. Estou surfando nela... Esse formato veio há pouco tempo para TV aberta, que já era um grande sucesso na fechada. O SBT sempre vanguardista nisso. O primeiro foi o “Hell’s Kitchen” e logo depois o “MasterChef” na Band. Pode ser que em algum momento sature, vai chegar um tempo que ninguém vai querer assistir só programa de gastronomia e vão sobreviver os melhores. 
 
NaTelinha - Emendando uma atração na outra não pensa em um possível desgaste da sua imagem?
 
Ticiana - Não, o programa é semanal e apareço uma vez por semana. No jornalismo tradicional eu ficava no ar de segunda a sábado. O chato para mim é ficar fora do vídeo. 
 
NaTelinha - O fato de ter aumentado o número de participantes muda em que sentido o andamento do programa?
 
Ticiana - Teremos mais episódios com intrigas, dinâmicas e concorrência. Em contrapartida conheceremos personagens incríveis. O grande diferencial de um reality é a seleção dos participantes, que são bem distintos. Aqui temos desde um jogador fortão de futebol americano até uma vovó e mãe junto com a filha competindo. Quando juntamos tribos tão opostas vira uma mistura louca. 
 
NaTelinha - Qual a dinâmica de gravação?
 
Ticiana - Até o terceiro programa gravamos dois dias para finalizar um episódio. Estamos tentado gravar um programa inteiro em um dia. 
 
NaTelinha - Sentiu diferença dos candidatos da primeira e segunda temporada? O que mais te chamou atenção?
 
Ticiana -  As receitas farão sucesso, estão bem gostosas. Os participantes estão com o nível técnico bem elevado. Tem o lance dos doces regionais que são muito criativos. 
 
NaTelinha - Você costuma assistir reality show?
 
Ticiana - Eu assisto menos do que eu deveria. Vejo a concorrência para não ficar fechado no meu mundinho e saber de tudo, ter a certeza que estamos fazendo o melhor. 
 
NaTelinha - Já têm planos quando finalizar o programa?
 
Ticiana - Estou desde janeiro nessa loucura. Pretendo tirar férias. 
 
NaTelinha - Está reservada para algum projeto na volta?
 
Ticiana - Tenho várias idéias mirabolantes. Ainda não posso falar... Nem meu chefe sabe (risos).
 
 


COMENTÁRIOS

Fechar X