Conheça 10 celebridades que abriram mão de trabalhos memoráveis e se arrependeram

Fotomontagem NaTelinha - Divulgação

Publicado em 17/06/2017 às 19:16:29

Por: Taty Bruzzi

Gosto pessoal, problemas pessoais ou por conta de compromissos profissionais, até as celebridades abrem mão de alguns trabalhos que podem levá-las ao arrependimento no futuro.

O NaTelona destacou 10 atores de Hollywood que desistiram de papéis que não só se tornaram icônicos como, também, acabaram consagrando outros colegas. Descubra quem são eles!

1  - Emma Watson e Miles Teller (“La La Land: Cantando Estações”, 2016)

A dupla era a primeira escolha para viver o casal Mia e Sebastian, mas fizeram tantas exigências que ficaram de fora do filme de maior sucesso dos últimos anos. Sorte nossa que se apaixonou por Ryan Gosling e Emma Stone de tal forma que fica impossível imaginar o casal protagonista interpretado por outros atores.

2 - Jack Nicholson (“O Poderoso Chefão”, 1972)

Michael Corleone está para Al Pacino, assim como Al Pacino está para Michael Corleone. Entretanto, o papel do herdeiro da máfia de Nova York em uma das melhores trilogias da história do cinema quase foi parar nas mãos de ninguém menos que Jack Nicholson. Fica aqui a incógnita de como seria o mafioso pela visão deste outro grande ator.

3 - Johnny Depp (“Curtindo a Vida Adoidado”, 1986)

Um dos filmes de maior sucesso da década de 80 conta a história do estudante secundarista Ferris Bueller que decide tirar um dia de folga para aproveitar a vida. O que poucos sabem é que o personagem que marcou Matthew Broderick para sempre poderia ter sido interpretado por Johnny Depp, se não fosse sua incompatível agenda na época.

4 - Kevin Costner (“Um Sonho de Liberdade”, 1994)

Embalado pelo sucesso de “O Guarda-Costas” (1992), Kevin Costner decidiu produzir e protagonizar o filme “Walterworld – O Segredo das águas” (1995). O projeto o impediu de aceitar o convite para interpretar Andy Dufresne em “Um Sonho de Liberdade” (1994), papel que acabou ficando com Tim Robbins. Enquanto o filme de Kostner foi um fracasso, o de Robbins não só foi um sucesso como, também, consagrou o nome do ator no cinema.

5 - Michelle Pfeiffer (“O Silêncio dos Inocentes”, 1991)

Michelle Pfeiffer não levou muita fé no projeto de Jonathan Demme. A atriz recusou o papel da agente Clarice Starling sob a alegação de que o tema era muito perturbador. O trabalho acabou ficando com Jodie Foster, que além de fazer uma parceria brilhante com Hopkins, assim como o colega, faturou um Oscar. Neste caso, o de melhor atriz. O filme levou ainda mais três estatuetas: melhor filme, direção e roteiro.

6 - Molly Ringwald (“Uma Linda Mulher”, 1990 e “Ghost – Do Outro Lado da Vida”, 1990)

A jovem de cabelos ruivos foi uma das estrelas queridinhas do cineasta Jonh Hughes, chegando a protagonizar comédias juvenis de sucesso como “Clube dos Cinco” (1985) e “A Garota de Rosa Shocking” (1986). O bom desempenho chamou a atenção de alguns diretores, mas a atriz não soube aproveitar as oportunidades. Seu nome foi o primeiro cogitado para interpretar Vivian em “Uma Linda Mulher”, mas se recusou porque não queria ligar sua imagem a de uma prostituta. No mesmo ano, a atriz foi sondada para viver a mulher de Patrick Swayze em “Ghost – Do Outro Lado da Vida”, mas também recusou o trabalho, que ficou com Demi Moore. Ela deve se arrepender muito!

7 - Sean Connery (“O Silêncio dos Inocentes”, 1991)

Sean Connery deu uma guinada em sua carreira interpretando o agente secreto britânico 007 nos cinemas. Mas no início dos anos 90, ele teve a chance de fazer um dos personagens mais enigmáticos da telona, o Dr. Hannibal Lecter. O papel acabou ficando com Anthony Hopkins, que venceu o Oscar de melhor ator por sua atuação brilhante como o psiquiatra adepto do canibalismo.

8 - Tom Cruise (“Footloose - Ritmo Louco”, 1984)

Assim que os produtores viram a cena na qual Tom Cruise dança de camisa e cueca branca em “Negócio Arriscado” (1983), o ator foi convidado para viver o adolescente Ren McCormack em “Footloose – Ritmo Louco”, mas recusou o papel porque já estava envolvido em outro projeto, o longa “A Chance” (1983). O protagonista ficou com Kevin Bacon, que se saiu muito bem nas cenas de dança. Já o filme entrou para um dos novos clássicos dos anos 80 e ganhou remake em 2011.

9 - Tom Selleck (“Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida”, 1981)

Conhecido na TV por seu papel como Magnun, detetive particular na série homônima que tanto sucesso fez nos anos 80, Tom Selleck foi convidado por George Lucas e Steven Spielberg para interpretar Indiana Jones no cinema, mas recusou o papel por medo de prejudicar sua carreira na televisão. O personagem foi um dos responsáveis por transformar Harrison Ford em um dos galãs de Hollywood. Já Selleck construiu sua carreira com pequenos papeis em séries e sitcons, incluindo “Friends”.

10 -  Will Smith (“Matrix”, 1999): o protagonista Neo em “Matrix” (1999)

Foi escrito para Will Smith, mas o ator preferiu optar por atuar em “As Loucas Aventuras de James West”, lançado no mesmo ano. Enquanto o western foi um fracasso, a produção de ficção científica virou uma trilogia de sucesso. Além disso, Jada Pinkett Smith, esposa de Will, trabalhou no segundo filme da saga, “Matrix Reloaded” (2003).



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Fechar X